segunda-feira, 23 de março de 2009

5ª Semana de preparação concluída.



Olá a todos os seguidores deste blog.
Ontem, domingo, terminei a 5ª semana de preparação para a Ultramaratona SRP-160. 
A fase de maior volume de treino, quer a nível de Kms, quer a nível de duração dos treinos está ultrapassada. As duas últimas semanas foram muito duras. O somatório das duas constitui um máximo pessoal de treino, pois em duas semanas ultrapassei as 24 horas de treino e mais de 500 Kms. De referir que nesta altura levo 1120 Kms e mais de 50 horas de treino, isto desde o dia 14 de Fevereiro!
O volume desta 5ª semana foi ligeiramente inferior ao da 4ª semana, tendo contudo a intensidade sido mantida. A 6ª semana tem uma redução de 2 horas no total de treino e será como que um pequeno descanso para a 7ª e 8ª semanas, onde o treino volta a endurecer, para depois a 9ª semana ter uma redução drástica sendo apenas para recuperar e consolidar o trabalho de mais de 2 meses de preparação.
Lá mais para o fim da preparação postarei os valores detalhados desta preparação para poder tirar mais conclusões sobre a minha evolução. Contudo nesta altura já sinto os resultados a aparecerem, lentamente, mas inequivocamente.
O treino de sábado à tarde, em BTT com montanha serviu para testar, num percurso meu conhecido a evolução. Tratou-se do percurso Carvoeiro-Eólica-Carvoeiro com 40 Kms e 800 m de desnível, técnico qb, principalmente de piso seco e duro com gravilha e pedra solta por cima. Neste treino testei também o novos sapatos Specialized Pro Carbon 2009, que representam uma redução de peso de 40 gramas face aos anteriores Sidi Dragon 2 e são mais largos à frente o que permite uma maior dilatação do pé nos dias quentes de Verão. O mesmo serviu também para testar a 986 em modo de subida, que espero vá dar muito jeito na Maratona de Mortágua, onde temos uma subida de 15 Km a 5% de inclinação média. O modo de subida consiste em avançar o selim cerca de 10 mm, com se pode ver pela comparação das fotos acima. Desta forma o avanço do joelho quando os cranks estão horizontais permite uma maior força de pedalada.
Outro ponto importante na minha preparação tem sido as sessões de flexibilidade e equilíbrio que têm ocupado 1 hora semanal, mas sobre isso falarei noutra altura.
Bons treinos para todos e as melhoras aos lesionados.

segunda-feira, 16 de março de 2009

Orgulho lusitano...

Ricardo Marinheiro a ensinar nuetros hermanos a pedalar.



http://www.jasma.pt/noticias/artigo.php?artigoid=114&limit=

Federado aos 33 anos...

3575Josué OliveiraDZ2XPKASport Clube Beira MarSEN

Há uma semana que sou federado na Federação Portuguesa de Triatlo e ainda nem sabia! 

4ª Semana de treino orientado concluida

video
Olá...
Está terminada a primeira semana da segunda fase de preparação orientada para a Ultra-Maratona Portuguesa de Serpa de 2009, a SRP-160. Vão ser cerca de 160 Km ou 100 milhas, como preferirem pelos trilhos e estradões do interior alentejano.
A prova é dia 18 de Abril, pelo que falta cerca de 1 mês, contudo a preparação ainda não chegou a meio, mas aproxima-se.
A preparação que estou a fazer divide-se em 3 fases distintas. Depois de 21 dias de inactividade completa devido a problemas físicos surgiu a primeira fase com treinos de estrada curtos e de muito baixa intensidade, quer de carga, que de desgaste e espaçados. Essa primeira semana nada mais foi do que habituar o  corpo de novo ao exercício. Nessa semana fiz menos de 100 Km com velocidades médias na casa dos 24 Km/h e ritmos cardíacos abaixo dos 70%. Na 2ª semana já fiz 120 Km em 2 treinos, para na 3ª semana fazer cerca de 180 Km. Assim terminou a primeira fase onde o volume foi aumentando gradualmente, bem como a periodicidade dos treinos e o ritmo dos mesmo.
No  início da 4ª semana entrámos na fase de desenvolvimento da potência crítica, com sessões mais longas, menos tempo de recuperação entre as mesmas e muito volume de Kms. Nesta semana treinei cerca de 13 horas divididas em 5 sessões com cerca de 300 Kms. Foi também a introdução dos treinos de força com percursos de montanha.
Esta 4ª semana era a pior de todas, em termos de volume. Tinha algum receio de como o meu corpo iria responder, mas agora que já passaram mais de 24 horas após a última sessão desta semana acho que posso dizer que passei o teste. Se conseguir cumprir a 5ª semana como programado então tenho tudo para continuar este plano e apresentar-me em Serpa em boa forma para encarar os 160 Kms com tranquilidade.
As dores existem mas são suportáveis, pois como já ouvi dizer "No pain, no gain"!
Boa semana e bons treinos.

terça-feira, 10 de março de 2009

Ano Novo vida nova!






Olá a todos.
Apesar de ter andado "calado" este blog não deixou de ter a sua razão de ser, apenas esteve em estado de hibernação. Passo a explicar.
Desde finais de Agosto de 2008 que não andava bem. Tinha dores, não treinava como queria, não descansava o que devia e logo não rendia o que devia render. Andava com o orgulho ferido e com os ditos "macaquinhos" a trabalhar. As semanas foram passando, e não melhorava, até que fui consultar alguém que dizem muito entendido em matéria de lesões desportivas, especialmente de joelhos, o Prof. Doutor José Carlos Noronha. Após uma descrição minuciosas dos meus sintomas e história pregressa das minhas queixas, bem como uma sumária avaliação o Doutor disse que não tinha nada de grave, apenas que tinha de ter calma e recuperar melhor dos esforços. Quando temos algo de realmente grave estes médicos especialistas topam logo. Não podia passar do 8 para o 80 em algumas semanas. Aquecer sempre bem e demoradamente, alongar convenientemente e trabalhar mais a minha flexibilidade, entre outros conselhos, mais 2 semanas de repouso absoluto e alguma medicação. Isto foi a 5 de Fevereiro! A 14 de Fevereiro iniciei um programa de treino que se conseguir cumprir me preparará para a segunda edição da Ultramaratona Portuguesa SRP-160 a ter lugar a 18 de Abril.
Desde lá já passei mais de 24 horas no selim e percorri mais de 600 Km.
Dores ainda tenho, talvez sejam menos, mas já não me preocupo tanto com elas!
Enquanto não me limitarem a pedalada o selim não irá arrefecer!
Este plano de treino é composto de 3 fases, a primeira está completa, amanhã começa a segunda e mais dura. Vamos ver como o corpo a aguenta. 
Entretanto deixo-vos algumas fotos da minha "travessia do deserto"